Destaque Notícias

Márcio Melo Rodrigues propõe luta para contemplar a Paraíba com Zona Franca

vai-e-faz_720x90

O vereador Márcio Melo Rodrigues (PSDC), vice-presidente da Câmara Municipal de Campina Grande, está propondo e defendendo a criação da Zona Franca do Nordeste na Paraíba.

Ele sugere que a Câmara Municipal de Campina Grande apele ao Governo Federal e a bancada federal na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, visando à criação do empreendimento.

O parlamentar defende que a Zona Franca do Nordeste pode funcionar no Município de Campina Grande, dado ao potencial econômico, localização geográfica e outros fatores da maior grandeza que justifica o empreendimento. Incentivos fiscais como isenção de PIS, Cofins e IPI também servirão como chamariz de novos investidores.

Acentua que as três instâncias governamentais (município e governos estaduais e federais) presentes na região serão as principais responsáveis pela captação e regulamentação de indústrias e comércio.

Márcio solicita que a Câmara de articule junto ao presidente Michel Temer, ao governador do Estado, ao prefeito Romero Rodrigues, à Câmara dos Deputados, ao Senado Federal, e aos ministros da Integração Nacional, Helder Barbalho, e ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles.

Campina Grande

Campina Grande é considerada um dos principais polos industriais da Região Nordeste, bem como o principal polo tecnológico da América Latina. De acordo com estimativas de 2017, sua população é de 410 332 habitantes, sendo a segunda cidade mais populosa da Paraíba, e sua região metropolitana, formada por dezenove municípios, possui uma população estimada em 638 017 habitantes.

Campina Grande é um importante centro universitário, contando com vinte e uma universidades e faculdades, sendo três delas públicas. É também é a cidade com proporcionalmente o maior número de doutores do Brasil, um para cada 590 habitantes, seis vezes a média nacional. Além de ensino superior, o município é destaque também em centros de capacitação para o nível médio e técnico. Também possui o segundo maior PIB entre os municípios paraibanos, representando 15,63% do total das riquezas produzidas na Paraíba. Uma evidência do desenvolvimento da cidade nos últimos tempos é o ranking da revista Você S/A, no qual Campina Grande aparece como uma das 100 melhores cidades para se trabalhar e fizer carreira do Brasil, única cidade do interior entre as capitais escolhidas no país. O município é ainda considerado a cidade mais dinâmica do Nordeste e a 6ª mais dinâmica do Brasil segundo “A Gazeta Mercantil” e foi apontada como uma das 20 metrópoles brasileiras do futuro.

O município sedia ainda variado eventos culturais, destacando-se os festejos de São João, que acontecem durante todo o mês de junho (chamado de “O Maior São João do Mundo”), encontros religiosos como o Encontro da Nova Consciência e o Encontro para a Consciência Cristã, realizados durante o carnaval, além do Festival de Inverno e outros 20 eventos.

Fonte: ASCOM

Comentários

comments

vai-e-faz_720x90