Colunista Joãozito Silva Notícias

Nova coluna Política em Dia – Joãozito Silva

vai-e-faz_720x90

Barricada no comércio

Duas iniciativas polêmicas levaram o Governo do Estado, por meio da Polícia Militar, a deflagrar a Operação Cidade Segura com o objetivo de combater os arrombamentos aos  estabelecimentos comerciais e  assaltos à população. A primeira foi a implantação de “estacas de ferro” nas calçadas  para evitar que carros arrombem as lojas. A segunda foi a solicitação do vereador Márcio Melo (PSDC) da intervenção de tropas festas à garantia de segurança.

Cobrança de Bolinha

O presidente da CDL, empresário Artur Bolinha, disse que o pedido do vereador  Márcio Melo tem viés político e se posicionou contra a intervenção de tropas federais. Todavia, Bolinha cobrou do governo estadual que dê ao comércio de Campina Grande o mesmo tratamento a João Pessoa em termos de segurança.

O impasse

O prefeito Romero Rodrigues (PSDB) e o vice Enivaldo Ribeiro (PP) colocaram panos quentes sobre a mudança na Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE). O tucano garantiu a Ribeiro que não houve esvaziamento da estrutura da SDE. Será que manter Rosália Lucas para o cargo ou indicar outro nome para substituir Luiz Alberto Leite?

DNA socialista

O secretário estadual de Articulação Política, deputado Adriano Galdino (PSB), disse que o governador Ricardo Coutinho (PSB) não quer a vice Lígia Feliciano (PDT)  como candidata a Palácio da Redenção porque ela não é filiado ao Partido Socialista Brasileiro. Por isso, resolveu lançar o secretário João Azevedo (PSB).

Condicionante

O deputado federal Veneziano Vital (PMDB) avisou que o senador José Maranhão (PMDB) só terá o seu apoio para disputar Governo do Estado, nas eleições de 2018, se  permanecer no partido no próximo pleito. Segundo Veneziano, mesmo o fato de sua mãe, ex-deputada Nilda Gondim (PMDB), ser  suplente do senador, não irá apoiar Maranhão em qualquer conjuntura.

Cinismo

Do deputado estadual Anísio Maia (PT): “Os senadores da Paraíba votaram para livrar um corrupto e se igualaram a ele em cinismo. Alegaram que era para garantir a autonomia do Senado, mas, não era isso que estava se discutindo.  No dia anterior o STF já tinha garantido que a palavra final para o afastamento de um parlamentar cabia ao Congresso.

Refis prorrogado

Ao participar do Jornal 1050, na Rádio Caturité, o procurador do município de Campina Grande, José Fernandes Mariz, disse que Prefeitura Municipal vai prorrogar o pagamento de débitos do Programa de Recuperação Fiscal (Refis). Ele explicou que a explosão de caixas eletrônicos da Secretaria da Finanças resultou na prorrogação.

 

Menos mal

Com o saldo de quase dois mil postos criados em setembro (1.975), a Paraíba registrou o quarto mês consecutivo de empregos formais, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira (19) pelo Ministério do Trabalho. Foram admitidos 10.252, contra 8.277 desligamentos.

Comentários

comments

vai-e-faz_720x90