Colunista Joãozito Silva Notícias

NOVA COLUNA POLÍTICA EM DIA – JOÃOZITO SILVA

vai-e-faz_720x90

Desaprovação

Vereadores próximos ao prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), revelam que o tucano não se empolgou com a chapa defendida por setores da oposição para eleições de 2018. Pela proposta, Romero seria candidato a senador, na vaga de Cássio Cunha Lima (PSDB).

De olho no Palácio

Por seu turno,  Cássio disputaria uma cadeira na Câmara Federal, abrindo mão da reeleição. Já o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), seria candidato a governador, tendo como vice o deputado Pedro Cunha Lima (PSDB). Segundo aliados, Romero só entra na  disputa se for ao Governo do Estado.

Dia do Fico

No recente café da manhã que ofereceu aos deputados, o governador Ricardo Coutinho revelou que ficará no Palácio da Redenção até 31 de dezembro de 2018, descartando  concorrer ao Senado. Ele vai coordenar a campanha do secretário João Azevêdo (PSB) ao Governo do Estado. Ricardo ainda pediu aos 25 parlamentares presentes que popularizem pelo Estado o nome de Azevêdo.

Pragmatismo

Por instinto de sobrevivência, o PMDB vai buscar alianças com o PT em pelo menos oito estados nas campanhas para governador. As duas siglas eram aliadas no governo Dilma Rousseff, mas os peemedebistas romperam para afastar  a presidente com  o impeachment e empossar Michel Temer.

Paraíba fora

PMDB e PT negociam alianças no Ceará, Minas Gerais, Paraná, Alagoas, Piauí, Sergipe, Tocantins e Goiás. Na Paraíba, o senador José Maranhão (PMDB) diz que será candidato a governador em faixa própria. O PT deve se aliar ao PSB no Estado.

CNBB repudia

Nota da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) manifesta apreensão e indignação com a grave realidade político-social vivida pelo país. A entidade repudia a falta de ética que se instalou nas instituições públicas, empresas, grupos sociais e na atuação de inúmeros políticos que “traindo a missão para a qual foram eleitos, jogam a atividade política no descrédito”.

Empregos

Na próxima terça-feira (7), a Câmara Municipal de Campina Grande realiza uma audiência pública para discutir uma política para criação de novos empregos, na Rainha da Borborema, diante do atual cenário econômico. A propositura é da presidente da Casa, vereadora Ivonete Ludgério (PSD).

Sem por ponografia

Com o objetivo de preservar uma infância sem pornografia, o vereador Alexandre do Sindicato (PHS) deu entrada no setor de protocolo da Casa Félix Araújo o projeto de lei n° 577/2017. O documento assegura a dignidade especialmente das crianças e adolescentes do município de Campina Grande.

Acessibiidade

Projeto de Lei N° 225/2017, apresentado pelo vereador Anderson Maia (PSB), pretende estabelecer normas de acessibilidade aos candidatos com deficiência auditiva, de forma que os mesmos possam concorrer em igualdade com os outros candidatos. A proposta tem o apoio de vários segmentos.

Comentários

comments

vai-e-faz_720x90