Destaque Notícias

Roubo de carros aumenta em Campina Grande e diminui em João Pessoa, diz Seds

vai-e-faz_720x90

Em apenas um ano, o número de carros roubados em Campina Grande aumentou 59% entre 2016 e 2017, de acordo com dados divulgados na terça-feira (9) pela Secretaria de Segurança e Defesa Social (Seds) da Paraíba. Em 2014 foram 104 roubos de carros em Campina Grande, se comparados com os números de 2017, representam um aumento de 295.1% em três anos.

Em 2017 foram registrados 411 roubos de carros na cidade, se comparados com os números de João Pessoa, foram registrados 146 roubos a mais em Campina Grande durante o mesmo ano.

O contador Jorge Eduardo, foi uma das vítimas de 2017, ele foi roubado há três meses, quando tentava vender o carro em um site de vendas pela internet e até hoje não teve o veículo nem seus pertences pessoais levados recuperados.

Paraíba registra 1.284 assassinatos em 2017 e reduz taxa de CVLI
Número de homicídios com vítimas negras cai 17,2% em seis anos na PB, diz secretaria
Adolescente rouba carro em Campina Grande e só para após perseguição e tiros
“A pessoa entrou em contato comigo através do número que eu deixei e pediu para ver o veículo, veio em um dia da semana, analisou o veículo todo e disse que ia entrar em contato dias depois. Com dois dias depois, ele entrou em contato de novo, perguntando se eu já tinha vendido o veículo e marcou outro local para ver o carro novamente, nesse segundo local eu fui abordado por dois elementos, que levaram o veículo. Minha sorte foi que eu tinha seguro e o prejuízo foi amenizado”, disse Jorge Eduardo.
Na capital
Já em João Pessoa, entre 2016 e 2017 houve uma redução no número de roubo de veículos de 5,7% segundo o relatório da Secretaria de Segurança.

No período correspondente entre os anos de 2012 e 2017, foi em 2016 o ano com maior número de casos, com 281 roubos registrados.

Em 2017 foram 265 roubos de veículos na capital paraibana, que ainda segundo a Seds está em segundo lugar no ranking das capitais brasileiras com o menor índice de roubos de veículos, ficando atrás apenas de Vitória, no Espírito Santo.

Fonte: g1pb

Comentários

comments

vai-e-faz_720x90